Por que fazer esse curso?

Java pode ser usada no desenvolvimento do back end de sistemas web, em aplicações para dispositivos móveis (particularmente Android), TV digital e muitas outras situações. Java foi criada para ser onipresente ("run anywhere"). Por isso, é hoje a linguagem de programação que oferece melhores e maiores possibilidades de inserção no mercado de trabalho, para a função de desenvolvedor.

O que eu preciso saber?

É necessário que você tenha conhecimentos de estruturação de programas e conceitos básicos de programação. Ou seja: basta você ter feito o curso "Introdução á Logica de Programação" ou ter familiaridade com alguma outra linguagem de programação.

Estrutura do Curso

O curso será dividido em 4 aulas, sendo cada aula organizada em capítulos conforme a necessidade do assunto trabalhado na forma de vídeo aulas, testes e atividades online, exercícios individuais de aplicação e leitura de material didático de apoio.

Resumo

O curso apresenta os conceitos essenciais de Programação Orientada a Objetos para, em seguida, explorar estes conceitos usando Java. Para além dos conceitos básicos e essenciais, são também apresentados conceitos avançados como threads e manipulação de coleções usando generics.

Instrutores

Marcos Ribeiro Pereira Barretto

Marcos Ribeiro Pereira Barretto graduou-se em Engenharia Elétrica pela POLI-Escola Politécnica da USP, em 1983.

Completou o Mestrado e o Doutorado também pela POLI, em 1988 e 1993, respectivamente. 
Começou a aprender a programar há mais de 40 anos e ainda continua aprendendo. 
E também ensinando, como professor da POLI há quase 30 anos.
Escreveu mais de uma centena de artigos para revistas e jornais, nacionais e internacionais. E diversos capítulos de livros.

Rafael Augusto Moreno Gonçalves

Rafael Augusto Moreno Gonçalves Possui graduação em Engenharia Mecatrônica pela Universidade de São Paulo (2009), tendo ingressado no curso em 2005 e realizado um ano de aproveitamento de créditos (2008) na Universidade de Stuttgart por meio de parceria entre esta, o DAAD e a Escola Politécnica da USP. Realizou estágio no Fraunhofer IPA, na área de pesquisa e desenvolvimento para o desenvolvimento de microscópio hiper-espectral automático.